DILADOR ‘elogia imprensa’ de Araçatuba. O Política e Mais prefere ser criticado e retratar os fatos com a consciência leve e limpa

Toda faculdade de jornalismo coerente, ensina a seus alunos que, quando uma determinada fonte de informação passa a elogiar demais a atuação de um profissional, de um veículo, ou de uma ala da imprensa, seja ela local, estadual ou nacional, É BOM DUVIDAR, pois um afago do tipo pode estar travestido sempre de um interesse.

Nesta terça-feira (18), o jornal Folha da Região traz logo na primeira nota de sua coluna política, um elogio do prefeito de Araçatuba, o cimenteiro Dilador Borges (PSDB), à imprensa local — precisamente aquela que lhe agrada. Diz o noticiário que o alcaide afirma ser favorável à liberdade de imprensa. E que “os meios de comunicação tê o direito de criticar e que (ele, prefeito) é um defensor da imprensa livre”.

Lindo, maravilhoso para os coleguinhas de plantão que gostam de afagos e bajulação. Não para aqueles que preferem exercitar o jornalismo como se deve, de forma combativa, sem deixar-se levar pelo encanto das “fontes” e as notícias que elas nos tentam plantar dia sim, dia também.

O Política e Mais DISPENSA OS ELOGIOS do cimenteiro Dilador. Prefere atuar com a liberdade que lhe é de direito, uma  papel que o alcaide diz defender para a imprensa de modo geral, apesar de afirmar existir uma outra imprensa – não aquela que o bajula, que o afaga e enche de mimos em páginas de jornais, ondas de rádio e transmissões televisivas e afins – que “não trabalha em favor da sociedade”.

Para o Política e Mais, sobre a classe política, o agir corretamente; combater a corrupção; por fim às negociatas e cabrestos; atender às necessidades do povo, É MAIS QUE OBRIGAÇÃO. Por conta disso, não há que, pelo menos neste site, ficar elogiando os mantimentos que são distribuídos aos carentes, a compra de veículos para o transporte de passageiros, os buracos que são tapados ou os bairros que são asfaltados por quem governa a cidade.

Como político que pelejou três vezes seguidas para se tornar prefeito de Araçatuba, Dilador Borges deveria estar para lá de escolado. Ele NÃO ESTÁ FAZENDO NADA ALÉM QUE A SUA OBRIGAÇÃO. Se outros gestores não o fizeram, o problema é deles e as consequências ficaram para o povo. Por tudo isso, se seu propósito é fazer a diferença, que assim o faça. Aceitando toda e qualquer crítica que seja. Até porque, quem muito prega honestidade, lealdade, moralidade e ética, uma hora pode vacilar e derrapar na curva.

Então, ilustre alcaide, elogie menos a imprensa e faça mais. É só isso que os araçatubenses esperam de ti. Até porque, o bajular é depreciativo, incoerente, duvidoso. Vergonhoso, para ser mais claro. Principalmente, porque quem elogia de forma tão entusiasmada hoje, certamente vai querer algo em troca amanhã. O tempo costuma mostrar isso. É só esperar.

ESTA É UMA OPINIÃO DO POLÍTICA E MAIS.

Compartilhe

Política e Mais

Informações sobre os bastidores da política em Araçatuba e Região e assuntos relevantes aos internautas, como economia, negócios, cultura, esportes, polícia e lazer.